Páginas

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Cada flor no caminho...

Se caminhares sob o cascalho tórrido, seus pés certamente te lembrarão de onde pisaras, se plantares sementes em terras calvas,  levará certo tempo, mas aos poucos o pequeno broto romperá triunfante da inviolada semente, traspassará o solo e surgirá sendo beijado pela luz do Sol. Algo tão belo, tão pequeno, míseros sons emitidos, agraciam com a delicadeza do silêncio, ah... ouvir o silêncio e observar o céu são coisas ainda não avaliadas em nosso mercado financeiro tão movimentado e complexo.
O Sol, a chuva, dias e noites virão e o pequeno brotinho se fortalecerá, erguerá-se podendo se tornar uma delicada flor ou uma imponente árvore na tentativa de alcançar o céu.
Cada flor no caminho é como cada estrela no céu noturno e cada raio solar em diferentes intensidades no céu diurno: enfeita, embeleza e traz graça.
Deus orna o céu com estrelas, nós, simples humanos, podemos ornar nossos caminhos com flores, de diferentes formas e tonalidades fazendo a caminhada mais aprazível.
Está aí a beleza do otimismo, quem é otimista sempre andará por caminhos floridos, pois sabe que os lugares por onde passa poderão somente serem ornados por ele mesmo.
Ele enfeitará com sorrisos, com palavras acalentadoras, com atitudes positivas.
O encanto da vida está nos olhos de quem vê, as conquistas somente virão através de atitudes e ações que guiarão até elas.
O viver é neutro, as cores serão dadas por quem está vivendo, as flores só aparecerão se as sementes forem jogadas, a vivência não é feita por quem existe, e sim por quem vive.
Texto de minha autoria.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, dê sua opinião. Não use palavrões e escreva de maneira clara, pois assim todos entenderão o que está escrito :)