Páginas

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Kit Kat gigante


Esta não é a versão mais perfeita de todas, além disso pretendo fazer outra mais elaborada, aqui está a primeira tentativa de um kit kat gigante:
Precisa-se de:
Chocolate ao leite próprio para derretimento, 
Bolacha wafer (de boa qualidade, bem recheada)
Chocolate em barra normal branco,
Chocolate em barra normal ao leite.
Forma inglesa,
Papel manteiga ou alumínio.

Um dos motivos da receita não ter ficado perfeita, como foi feito em cima da hora, não pude comprar a forma inglesa, e ela é essencial para dar o formato quadrado e compacto à receita, ao invés da forma própria, utilizei uma vasilha de plástico qualquer sem formato adequado, forrei com papel manteiga e fiz uma "caminha" com o chocolate ao leite próprio para derretimento, já derretido em banho maria:


Essa é a base, por cima coloquei as bolachas, alinhando-as desta maneira:


Alinhada a primeira camada, derreti o chocolate branco e o ao leite misturados e passei entre as bolachas, para "grudá-las" melhor e dar mais sabor à receita:


E assim as camadas foram sendo feitas:


Ficando mais ou menos na altura da forma, cobri com o resto do chocolate próprio para derreter:


Cobrindo, espalhando, foi aí que senti a falta da forma inglesa, o chocolate acumulou embaixo:


No final fiz alguns "ajeitos" e coloquei no refrigerador para gelar por mais ou menos umas quatro horas.


No início parece difícil de cortar, mas os wafers são fáceis e rapidamente a faca divide a delícia de chocolate:


Por dentro fica parecendo um folhado, só que crocante.

Considerações finais:

Por que usei chocolate ao leite?
Porque o kit kat é feito como um chocolate bem ao leite mesmo, bem doce, e como seria uma versão gigante, tentei fazer a caráter, porém pode ser trocado, se o objetivo não for este.

Por que chocolate branco junto com o ao leite para passar entre as bolachas?
Minha mãe comprou o chocolate branco por acaso, porém o chocolate branco quando misturado com o ao leite teve um gosto bem parecido com o chocolate do kit kat. Além disso, entre as bolachas não há necessidade do chocolate endurecer por isso comprei o em barra normal, já para a parte externa é bom utilizar o chocolate próprio para derreter porque assim ele endurece quando esfriado.

Quais são meus planos de aperfeiçoamento?
Em primeiro lugar: Comprar a forma inglesa, para ficar no formato certinho, sem chocolate vazando ou misturando com papel manteiga.
Fazer o chocolate para passar entre as bolachas mais trufado, utilizando creme de leite, pois ele endureceu quando esfriado.
Comprar uma bolacha melhor, achei a bolacha wafer que comprei sem graça, pretendo comprar uma mais recheada.

De qualquer forma, todos adoraram, em um futuro (próximo quem sabe) tentarei fazer a receita aperfeiçoada para postar aqui. 
Eu recomendo esse prato, pois é extremamente simples, diferente e agrada a todos, além de ser delicioso!

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Unhas magnéticas!


As unhas desse post estão muito especiais! O esmalte que eu usei é magnético, dando esse efeito de ondas na unha. Quer ver como a mágica acontece?


Primeiro passe o esmalte, ele fica normal, sem nada demais, primeira camada passada em todas as unhas, vá para a segunda camada, passe em uma unha, pegue a tampa do esmalte que vem como se fosse um imã em cima:


Coloque esse imã em cima da unha em que foi passada a segunda camada, com o esmalte ainda molhado, senão não funciona, espere dez segundos, coloque bem perto. Passados os dez segundos a unha fica com esse efeito maravilhoso. Quem estiver indo para o exterior, vale a pena comprar!
Gostaram?


sábado, 18 de agosto de 2012

Decorando Cupcakes



Decorar esses bolinhos parece ser difícil, porém é a parte mais divertida!
Eu utilizei o chantilly, porque acho delicioso e quando bem batido fica firme para manter a forma.
Pode-se utilizar pasta americana, dentre outros cremes e até calda de mashmallow, porém eu acho complicado de fazer, o chantilly até agora foi a opção mais prática.

Para começar, bata o chantilly que vem naquela caixinha, como se fosse leite:


Bata até obter uma boa consistência, bata até cansar, se quiser adicione algum corante, só não adicione muito, porque como o corante é líquido, pode tirar um pouco da consistência do chantilly que é muito importante. 


Ah, em hipótese alguma utilize aquele chantilly que já vem pronto, que é só sacudir e utlizar, para decorar a longo prazo, com o tempo esse chantily meio que "seca" e perde toda a forma, ele só é bom para algo imediato: fazer, decorar e comer.


Essa rosa parece difícil de fazer, certo? O truque é com o saco de confeitar, com o bico pitanga, começar da parte interna para a externa. Percebi que quanto maior o bico, melhor a forma fica, o bico pequeno as vezes não consegue completar o desenho. 


Esse efeito duas cores é muito bonito e fácil de fazer, descobri por acaso.
Estava com o chantilly mais claro e quis trocar pelo mais escuro, com mais corante, aí joguei no saco de confeitar por cima do chantilly claro, o escuro, a medida que o claro foi acabando, o escuro foi aparecendo de maneira mesclada.
Esse efeito pode ser conseguido também enchendo um saco de confeitar com chantilly de uma cor e outro de outra cor, daí e só começar o desenho com um e terminar com outro.


A que eu considero a mais fácil de todas, para mim é como se fosse uma grande flor, formada de pequenas flores. 
Usei o bico pitanga pressionando um pouco, girando levemente o pulso e puxando levemente para cima para dar essa pontinha no final, fiz isso nas "pétalas" e no centro.

Decorar cupcakes requer um pouco de prática e treino, se algo der errado, coloque bastante confeitos para "tampar" o erro e lembre-se: decoração é o de menos se o cupcake estiver delicioso e bem preparado!